CONTATO PELE A PELE: ATUAÇÃO DA EQUIPE DE ENFERMAGEM NA VISÃO DAS PUÉRPERAS

Marilin Zella, Jossane da S. Del Sacramento, Stella Minasi de Oliveira

RESUMO

Trata-se de um estudo de cunho qualitativo, do tipo exploratório e descritivo. Objetivou-se conhecer o papel da equipe de enfermagem na condução do contato pele a pele na primeira meia hora de vida do recém- nascido (RN), para as puérperas internadas numa unidade de maternidade, de um Hospital Universitário da zona sul do RS. Utilizou-se um instrumento com perguntas semi estruturadas, abertas das quais 11 puérperas participaram do estudo, no período de agosto e setembro de 2011. Evidenciou-se nesta pesquisa que a prática da amamentação quanto mais precoce possível facilita o vínculo mãe-bebê. Possibilitou-se ainda, conhecer o nível de satisfação das mulheres, sendo um instrumento útil para a equipe de enfermagem na implementação de uma assistência centrada nas necessidades das puérperas.

Palavras chaves: Enfermagem; Parto normal; Aleitamento materno.

ARTIGO

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *